Terra bate novo recorde de dia mais curto da história

O planeta Terra teve o registro de um novo recorde para o dia mais curto da história em 29 de junho. A contagem é do Serviço Internacional de Rotação da Terra e Sistemas de Referência (Iers, na sigla em inglês). O órgão tem vínculo com a União Astronômica Internacional.

Mas a redução é imperceptível sem equipamentos de alta precisão. Atualmente, os cientistas fazem a contagem por meio de relógios atômicos. De acordo com Iers, em 29 de junho, a Terra completou a volta em torno de si mesma com 1,59 milissegundo menos que as 24 horas convencionais.

Quando a velocidade desse movimento aumenta, o dia fica mais curto. O contrário ocorre com a redução da aceleração.

Segundo os pesquisadores, a diminuição pode estar relacionada a processos nas camadas internas ou externas do planeta, oceanos, marés ou até mesmo clima. Mas isso ainda é incerto. Eles também não sabem dizer se a Terra terá um dia ainda mais curto ou se a marca já é um limite.

“Acredito que há 70% de chance de estarmos no mínimo”, disse Leonid Zotov, pesquisador do assunto. Ele afirmou que os relógios não precisarão ser reajustados para compensar o efeito.

Comente este artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Converse com a Fandango