Novos equipamentos nas escolas vão modernizar ensino técnico agrícola do RS

As máquinas e equipamentos agrícolas entregues no final do mês passado às escolas técnicas agrícolas do Rio Grande do Sul, oriundas de recurso de R$ 30 milhões provenientes da bancada federal gaúcha no Congresso Nacional, darão aos alunos das instituições de ensino e futuros técnicos agrícolas, atualização e qualificação profissional. A avaliação é do presidente do Sindicato dos Técnicos Agrícolas no Estado do Rio Grande do Sul (Sintargs), Luís André Sasso.

Para o dirigente, este recurso premia toda a educação profissional, em especial as escolas técnicas agrícolas. “Temos agora nossas escolas técnicas agrícolas equipadas, com melhor aparelhamento chegando ao nosso aluno, futuro profissional do agronegócio. Os técnicos agrícolas qualificados, atualizados e com equipamento de ponta para seus alunos. Agradecemos a todas as entidades que participaram dessa caminhada, assim como os deputados da bancada gaúcha, em especial seu líder, deputado Giovani Cherini”, destaca.

Sasso era o superintendente da Superintendência da Educação Profissional da Secretaria da Educação no período de planejamento desses recursos. Lembra também do trabalho e do esforço dos servidores públicos do órgão para viabilizar os pedidos das escolas. “É um momento de muita alegria e satisfação em ter feito parte deste momento histórico para as escolas técnicas agrícolas e também, no momento do planejamento, em ter ajudado a construir e planejar este projeto como superintendente da Suepro. Toda a equipe se mobilizou e hoje estamos vendo a efetividade deste planejamento”, observa.

A verba foi aprovada no dia 30 de outubro de 2018 depois da atuação do Sintargs e de outras entidades do setor que se envolveram na busca pelos recursos. Desde então, foi trabalhado este planejamento para que os maquinários pudessem chegar até as escolas agrícolas do Estado. Novos implementos e veículos ainda devem ser entregues nos próximos meses.

Texto: Nestor Tipa Júnior/AgroEffective

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *