Decreto de Ghignatti permite atividades físicas para elite Cachoeirense:Tênis, Padel e Academias

No  Decreto Municipal 35/2020  publicado na última quinta-feira, o Prefeito Sérgio Ghignatti, resolveu flexibilizar as atividades físicas para aquelas pessoas que tem melhores condições financeiras e frequentam, um único clube em Cachoeira do Sul, no caso do tênis. Além disso, liberou o Padel, que possui apenas duas quadras na cidade  e as atividades em academias, onde a maioria da população não tem acesso.

Por outro lado, manteve fechado praças, academias ao ar livre e quadras de futebol e outros esportes.

No FUNCIONAMENTO DE ACADEMIAS E CENTROS DE TREINAMENTO
Art. 6º. Fica permitido o funcionamento de academias e centros de treinamento, observadas além
das regras do art. 3° desde Decreto no que lhes couber, as seguintes normas:
I – limitação de pessoas presentes de forma simultânea ao máximo de 1 (uma) pessoa a cada
15m² de área útil do estabelecimento;
4
II – uso obrigatório de máscaras pelos profissionais, inclusive os de recepção e equipes de
limpeza;
III – disponibilização de kits de limpeza em pontos estratégicos das áreas de musculação e peso
livre, contendo toalhas de papel e produto específico de higienização para que os clientes possam usar
nos equipamentos de treino, como colchonetes, halteres e máquinas;
IV – higienizar todos os materiais e equipamentos de uso coletivo a cada término de aula e troca
de alunos e
V – organização dos horários do atendimento, de modo a não ocorrer aglomeração na chegada e
saída dos alunos.
Art. 7°. Fica permitido o funcionamento de quadras de tênis e padel, respeitadas as normas do art.
3° deste Decreto no que lhes couber, vedado o uso de áreas comuns, de convivência ou de
confraternização e ainda observadas as seguintes regras:
I – uso obrigatório de máscaras pelos profissionais, inclusive os de recepção e equipes de
limpeza;
II – disponibilização de kits de limpeza em pontos estratégicos, contendo toalhas de papel e
produto específico de higienização para que os clientes possam usar;
III – higienizar todos os materiais e equipamentos de uso coletivo a cada término de aula e troca
de alunos e
IV – organização dos horários do atendimento, de modo a não ocorrer aglomeração na chegada e
saída dos alunos.

Converse com a Fandango