CTG Os Gaudérios representa Cachoeira no Enart

A modalidade danças tradicionais terá um representante do município no maior encontro de arte amadora da América Latina. O CTG os Gaudérios retorna ao evento depois de quatro anos. A última participação tinha sido em 2014, na Força A. Neste ano, o grupo participa da Força B, modalidade onde a entidade tem um terceiro e quarto lugar nos anos de 2012 e 2011, respectivamente. A apresentação está marcada para sábado, às 17h. O grupo adulto é uma sequência da invernada juvenil que representou a entidade em diversos rodeios nos últimos anos. Segundo o dançarino, Bernardo Müller, o trabalho no grupo adulto está no começo e a gratificação de dançar um Enart (Encontro de Artes e Tradição Gaúcha) é muito significativa. “Um grupo tão jovem chegar nesse concurso é muito gratificante, principalmente, quando alguns dançarinos estão aqui desde pequeno, será um momento muito especial”. Os Gaudérios concorre com mais 39 grupos de todos os cantos do estado. As vinte melhores notas avançam para a final que ocorre no domingo. Müller salienta que o objetivo é estar na finalíssima. “O grupo ensaia para buscar o título, mas estando no domingo já vai ser uma grande conquista”.

Coreografias

 Em 2018, o tema será sobre as carreiradas que ocorriam antigamente. A entrada e saída contam a disputada de duas famílias, uma rica e outra pobre. Durante a apresentação, uma carreira é simulada para demostrar a rivalidade. As coreografias estão a cargo de Juarez Júnior Paiva, mesmo coreógrafo responsável pelo Desafio Farroupilha desse ano. A instrução da invernada é de Fábio Rosso que completou dez anos de instrução na entidade.

 

Além das danças tradicionais, o CTG terá duas concorrentes na categoria Intérprete Solista Feminino. Mayne Dottes e Júlia Ferreira participam do Enart nos individuais. O Enart começa nesta sexta-feira e segue até domingo. Após o evento, as atenções serão voltadas para o Fegaes.

Converse com a Fandango