Brasil tem 12,7 milhões de desempregados, aponta pesquisa

Cerca de 12,7 milhões de pessoas estão sem emprego no Brasil. Pelo menos é o que aponta a Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílio, a PNAD Contínua, divulgada pelo IBGE nesta quinta-feira (30). Segundo a pesquisa, a taxa de desemprego recuou 0,6 pontos percentuais no trimestre de agosto a outubro de 2017 no comparativo com os meses de maio a junho. O índice atingiu os 12,2%. Na comparação com o mesmo trimestre de 2016, quando a marca ficou em 11,8%, a taxa aumentou 0,4 pontos. Na análise com o mesmo período de 2016, a PNAD registrou uma alta de 1,8%.

O número de pessoas trabalhando com carteira assinada se manteve estável, com registro profissional de 33 milhões de pessoas. Na comparação com o mesmo trimestre de 2016, a PNAD registrou uma queda de mais de 2%. Já o número de pessoas que trabalham por conta própria aumentou. São 23 milhões de brasileiros levando em conta o trimestre de agosto a outubro, um crescimento de 1,4% com o período anterior.

Converse com a Fandango