Jacuí segue subindo e primeiras famílias foram retiradas no sábado

O nível do Rio jacuí segue subindo em Cachoeira do Sul e por este motivo, neste sábado a tarde será realizada a remoção de três famílias de maneira preventiva, antes que água chegue às residências, fazendo com que não haja perde de móveis e utensílios de moradores e também mantendo a segurança das equipes de trabalho.

Às 7h da manhã deste sábado, o nível do Rio Jacuí estava em 21,75 m, ou seja, 3,75 m acima do nível normal e subindo 2,5 cm/h. Nesta cota, a água do Rio Jacuí começou a atingir as áreas de várzea e com isto reduz a velocidade que antes era de 6 para 2,5 cm/h.

Pela tarde deste sábado,o nivel já era  chegou 21,95 metros. Ou seja, 3,95 metros acima do nível normal, subindo 2 centímetros por hora., a equipe realizou a remoção preventiva de quatro famílias. Duas delas foram levadas ao abrigo temporário no ginásio da Fenarroz. As outras duas, para casas de familiares.

As remoções desta tarde foram realizadas pelas equipes da Prefeitura Municipal sob a coordenação da Defesa Civil, com apoio da coordenadoria regional de Proteção e Defesa Civil.

A ação preventiva foi executada antes da água chegar às residências, reduzindo os danos e prejuízos.

No abrigo montado na Fenarroz, as famílias receberam cuidados da Secretaria de Inclusão Social e a Secretaria de Saúde realizou o acolhimento e triagem quanto a sintomas gripais ou suspeita de Covid.

Os animais foram alojados pela Secretaria de Meio Ambiente nas estruturas do Sindicato Rural permitindo a proximidade e cuidado de seus responsáveis.

O 3º Batalhão de Engenharia de Combate, Corpo de Bombeiros, Brigada Militar e Patrulha Ambiental também estão em alerta para necessidade de apoio.

A equipe da Defesa Civil segue realizando o monitoramento das áreas de inundação com vistorias pela manhã, tarde e noite.

Um aviso meteorológico foi emitido neste sábado sobre o risco de fortes precipitações pluviométricas, com ventos que podem chegar a 90 quilômetros por hora e possibilidade de granizo.

Em caso de emergência: Corpo de Bombeiros – 193 / Defesa Civil (51) 99773-2913

 

De acordo com a Defesa Civil, a Prefeitura Municipal está com todas as Secretarias de sobreaviso para necessidade de ação emergencial. A Secretaria de Inclusão Social já preparou o Abrigo Temporário que será no Ginásio da FENARROZ que cedeu o espaço para acolhimento das famílias. Secretaria de Saúde fará triagem para detecção e testagem de Pacientes Suspeitos junto ao Abrigo

O 3º Batalhão de Engenharia de Combate, Corpo de Bombeiros, Brigada Militar e PATRAM também estão ele alerta para necessidade de apoio. Equipe da Defesa Civil está realizando o monitoramento das áreas de inundação com vistorias pela manhã, tarde e noite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *