Ministro da Saúde fala em ‘tirar de uma vez por todas essas máscaras’ no final do ano

Em um discurso nesta quarta-feira (11), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, subiu o tom contra críticos da gestão do governo federal na pandemia e voltou a sinalizar o abandono da proteção facial no fim do ano.

“Garanto a vocês, em nome do Bolsonaro, até o final do ano toda a população brasileira estará vacinada. Até o final do ano, poremos fim ao caráter pandêmico dessa doença no Brasil e vamos poder tirar de uma vez por todas essas máscaras e desmascarar aqueles que, mesmo que nunca tenham usados máscaras, precisam ser desmascarados.”

Queiroga explicou que qualquer flexibilização levará em conta o cenário atual.

“Depende não só do percentual da população vacinada, mas também do momento da pandemia. Se você tem uma situação como hoje, [que]  sinaliza para uma redução de casos e óbitos, e a gente avança na campanha de vacinação, é possível já flexibilizar o uso de máscaras, como aconteceu nos outros países.”

Converse com a Fandango