Em Santa Cruz do Sul, casos confirmados de dengue chegam a 838

Boletim atualizado da Prefeitura de Santa Cruz do Sul aponta que o município está com 838 casos confirmados de dengue. Os dados, repassados na manhã desta quarta-feira, 28, ainda apontam 44 casos em investigação, ou seja, que aguardam o resultado dos exames. Não há nenhuma pessoa internada com dengue. Dois óbitos já foram registrados.

Ao todo, foram 1.151 notificações. Segundo a prefeitura, nem todos que procuram atendimento com suspeita de dengue retornam, sete dias depois, para fazer o exame. Por isso a soma no número de notificados não fecha com os demais números da tabela. Outros 134 casos foram descartados.

De acordo com dados do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), o Rio Grande do Sul teve, até 24 de abril, 3.014 casos confirmados de dengue, dos quais 2.923 são autóctones – quando o paciente foi infectado dentro do Estado. São os maiores números para o período, em ambos os indicadores, desde 2010 – quando começa a série histórica sobre dengue do Cevs.

Naquele ano, foram registrados 3.348 casos até 24 de abril, sendo 3.248 autóctones. O número de notificações, que inclui casos suspeitos, no entanto, é maior em 2021 e ainda há 856 pacientes que aguardam resultados de exames.

O boletim do Cevs ainda indica um recorde de municípios infestados pelo mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, mas que também pode ser vetor do vírus Zika, da febre Chikungunya e da febre amarela. Há infestação do mosquito em 82% das cidades gaúchas (ou 409), número mais alto já registrado, com dados desde 2000.

 

 

 

fonte Portal GAZ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *