Fiocruz prevê vacina de Oxford no primeiro trimestre de 2021

A presidente da Fundação Oswaldo Cruz, Nísia Trindade  afirmou que até março a vacina de Oxford deve ser aplicada na população. O imunizante já comprado pleo Governo Federal será fabricado pelo laboratório AstraZeneca, em parceria com a universidade britânica. A validação, ainda de acordo com ela, deve acontecer entre janeiro e fevereiro.

“A nossa expectativa é que possamos encaminhar todo esse processo da vacina, que precisa ter validação da pesquisa, entre os meses de janeiro e fevereiro, vamos iniciar a produção, todo o trabalho acompanhado pela Anvisa. Temos toda esperança que possamos ter, no primeiro trimestre, esse processo de imunização como um dos instrumentos importantes para lidar com essa pandemia”, disse a especialista nesta segunda-feira (2).

Converse com a Fandango