Prefeitura de Cachoeira conclui Plano de Resíduos Sólidos e atualiza Plano de Saneamento

O novo Plano Municipal de Resíduos Sólidos e uma versão atualizada do Plano Municipal de Saneamento de Cachoeira do Sul foi entregue nesta manhã, na Prefeitura, por parte da equipe da Secretaria Municipal do Meio Ambiente – o secretário Alexsander Radiske e os biólogos Deivid Ismael Kern (Chefe do Departamento Ambiental da SMMA) e Juliano Konze (presidente do Conselho Municipal do Meio Ambiente) e pelo diretor executivo do Consórcio Intermunicipal Vale do Jacuí, Vanoir Koehler.

Ambos os Planos foram construídos pela Lógica Assessoria Ambiental, empresa contratada pela Câmara Setorial de Meio Ambiente do Consórcio, através de licitação. O valor pago à empresa pelo Município foi R$49.951,32, com recursos oriundos do FUMDEMA – Fundo Municipal de Defesa do Meio Ambiente.

Após realização de audiência pública de forma online, em função da pandemia, o próximo passo será remeter o Projeto de Lei ao Legislativo Municipal.

O Plano Municipal de Saneamento Básico, que estava sem atualização desde 2008, abrange um horizonte de 20 anos de planejamento, envolvendo as áreas de abastecimento de água potável, esgotamento sanitário, limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos e drenagem e manejo de águas pluviais urbanas.

A aprovação da Lei que institui a Política Pública de Saneamento faz com que o Município esteja apto a receber recursos da União e de demais setores destinados ao saneamento, recursos estes que, após 2017, só serão repassados aos municípios que tiverem seus Planos Municipais de Saneamento Básico concluídos e aprovados.

Converse com a Fandango