Rua 7 foi fechada para trânsito de veículos para poder distanciar as pessoas na fila da Caixa

Preocupado com as enormes filas que estão se formando na Rua 7 de Setembro, Silvio Scopel e Saldanha Marinho em virtude do atendimento da Caixa Federal à população que está indo em busca do auxílio emergencial, o prefeito Sergio Ghignatti buscou uma alternativa para evitar a aglomeração de pessoas e, consequentemente, o risco de contágio por coronavírus, caso exista alguém contaminado.

O gerente da Caixa, Guilherme Machado, levou a sugestão de fechar a rua em frente à agência bancária para poder ter espaço para que as pessoas fiquem mais distantes umas das outras. O comandante Alves, do 13º GAC, participou do encontro e afirmou que poderia destacar de 20 a 30 militares para auxiliar as pessoas a se distanciarem na fila. A Brigada Militar também foi contatada por Ghignatti que garantiu colaboração.

De acordo com Machado, somente nesta quarta-feira foram atendidos 640 cidadãos que vão, além de sacar o seu benefício, também em busca de informações. “Chegamos a contabilizar que há pessoas que esperam 4 horas na fila”, contou. Neste sábado a Caixa estará aberta das 8h às 12h para atendimento.

ESCOLAS MUNICIPAIS –  As escolas municipais também serão parceiras neste momento. A Caixa oferecerá um tutorial para os professores para que eles sejam parceiros em auxiliar a sua comunidade escolar. Isso vai acontecer a partir da próxima segunda-feira, quando as escolas municipais começarão a receber os pais para entregar material pedagógico aos estudantes.

“Vamos aproveitar este momento que eles estarão na escola para ver se eles precisam de auxílio com relação ao aplicativo da Caixa, uma informação. O que pudermos esclarecer, vamos ajudar para que estas pessoas não precisem ir para a fila do banco apenas para tirar uma dúvida”, explica a diretora da Secretaria Municipal de Educação, Carla Zinn.

Importante

Participaram ainda do encontro o Secretário de Obras, Isaías Machado, o Secretario de Indústria e Comércio, Ronaldo Tonet, o Secretário de Trabalho e Ação Social, Edson das Neves Júnior e o vereador Ronaldo Trojahn, representando o Legislativo.

Converse com a Fandango