Pradozem confirma compra da CESA e irá investir 10 milhões para colocar em funcionamento

O empresário Antônio Zanon Sobrinho, presidente da Pradozem, trouxe uma boa notícia nesta terça-feira ao prefeito Sergio Ghignatti, ele garantiu a compra do complexo da Cesa. Apesar do lance de R$ 5.226.000,00 dado no último dia 4 de abril para aquisição da área e dos silos, inicialmente a Pradozem queria ter certeza que teria todos os licenciamentos ambientais necessários. No entanto, Zanon trouxe a informação que ficará com a área. Para colocar tudo em funcionamento, a expectativa é investir cerca de R$ 10 milhões.

A primeira etapa para dar início ao processo de licenciamento ambiental é fazer o arrendamento inicial da área (para agilizar o processo) para depois formalizar a compra definitiva. A previsão é assinar o contrato na próxima semana.

A chegada e saída de grão ao completo pelo Rio Jacuí foi outro tema tratado no encontro. Segundo Zanon, fazer o transporte hidroviário é algo bastante viável na visão da Pradozen, devido ao seu menor custo. “É uma área que dominamos bastante”, frisa o diretor da empresa.

ACESSOS – Além de Zanon, estava em Cachoeira do Sul também o diretor comercial da Pradozen, Marcelo Boff e o técnico da área de transportes, Ari Lauermann. A missão da dupla era percorrer o trajeto proposto pela Prefeitura para acesso e saída do complexo, que fica na Rua Moron. A equipe do setor de trânsito da Prefeitura acompanhou a vistoria.

Converse com a Fandango