A partir desta sexta-feira, será proibido o trânsito de veículos na taipa da Barragem do Capané

A taipa da Barragem do Capané, no interior de Cachoeira do Sul, vai ser bloqueada a partir desta sexta-feira (3) para o trânsito de veículos,  por decisão do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga). O presidente da autarquia, Guinter Frantz, esteve na cidade nesta quinta-feira (2) para tratar com o prefeito Sergio Ghignatti dos detalhes da operacionalização do bloqueio, cuja execução está sob responsabilidade da Prefeitura.

Guinter lembra que a medida visa preservar o maciço que contém as águas que servem para a irrigação das lavouras de arroz. O Irga vai fazer barreiras físicas para impedir a passagem dos veículos.

As placas indicativas sobre a proibição total do trânsito de veículos, que serão desviados para a estrada paralela, ficam sob responsabilidade da Prefeitura. A rota alternativa deverá ser ampliada, encascalhada e mantida pela Secretaria do Interior. Contudo, veículos pesados (bitrens) não poderão trafegar nem mesmo na via alternativa.

Durante o inverno, o Irga deverá reduzir o nível das águas da Barragem do Capané para que o maciço opere com folga. Os acessos à Barragem do Capané pelas BRs-153 e 290 vão receber sinalização sobre a proibição do tráfego de veículos pesados.

O encontro desta quinta-feira contou ainda com as presenças do hoje gerente da Barragem do Capané, Romero Oliveira, e do vice-prefeito Cleber Cardoso.

 

O ENCONTRO ENTRE IRGA E PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL:

Irga cederá prédios à Prefeitura

Os prédios do Irga localizados na Rua Moron, às margens do Rio Jacuí, serão cedidos à Prefeitura gratuitamente. A cessão de uso será por cinco anos prorrogáveis por igual período.

 

Prédios da Rua Marechal Floriano serão colocados à venda

O presidente Guinter informou ao prefeito Ghignatti que os prédios localizados no centro da cidade, na Rua Marechal Floriano, recentemente desocupados, serão oferecidos para venda.

Converse com a Fandango