RGE investe R$ 4 milhões em Cachoeira

A RGE, distribuidora do Grupo CPFL, executou obras na rede elétrica de Cachoeira do Sul que totalizaram R$ 4,15 milhões em 2018. A concessionária fez ações de reforço e modernização da rede, principalmente com a troca de postes.

Foram substituídos 456 postes de madeira por novas unidades de concreto, instalados 4 novos religadores automáticos e construídos 7,2 Km de rede com cabos protegidos e multiplexados. Esse tipo de cabo está sendo instalado em todas as novas redes. Eles possuem espaçadores entre os condutores, o que dificulta que um toque no outro em dias de vento, diminuindo as interrupções no fornecimento de energia.

Os religadores automáticos permitem que a energia seja religada de forma remota nas situações em que as interrupções acontecem sem danos físicos na rede. Isso reduz o tempo de espera pelo cliente. Porém, nos casos em que a rede elétrica acaba sendo danificada, tem-se a necessidade de deslocar equipe para fazer o conserto. Em Cachoeira do Sul existem hoje 39 religadores em operação. Esses equipamentos também auxiliam o Centro de Operações localizado em São Leopoldo na execução de manobras de carga, necessárias quando há um desligamento para obra programada ou emergencial. A manobra permite que a energia seja direcionada às redes de baixa tensão e chegue aos clientes por meio de outros circuitos.

Alinhada ao Planejamento Estratégico do Grupo CPFL Energia, a RGE encerrou o ano de 2018 com investimentos de R$ 779 milhões nos 381 municípios de sua área concessão. Neste período, a concessionária substituiu 77.632 mil postes de madeira por concreto.

Converse com a Fandango