Estão nascendo menos Gaúchos, diz IBGE

Os dados mais recentes do IBGE divulgados nesta quarta-feira (31), mostram os gaúchos na contramão da natalidade no Brasil. De acordo com as Estatísticas do Registro Civil 2017, apenas o Rio Grande do Sul teve redução no número de nascimentos registrados em 2017 em relação a 2016. Nos demais Estados, o sentido foi inverso, garantindo ao Brasil crescimento de 2,6%.

Os resultados apresentados pelo IBGE referem-se aos registros de nascidos vivos, casamentos, óbitos e óbitos fetais, informados pelos Cartórios de Registro Civil de Pessoas Naturais.

 Isso é já um sinal do que estamos dizendo há algum tempo sobre o envelhecimento da população, ainda mais no sul do Brasil. Vários dados permitem ao IBGE fazer a projeção sobre as mortes superarem os nascimentos no futuro. E os registros civis são parte dessas informações – afirma a gerente das Estatísticas do Registro Civil do IBGE, Klivia Brayner Oliveira.

A redução no Estado foi de 397 nascimentos – 140.839 em 2016 para 140.442 em 2017. Mas em outros Estados, o aumento partiu de 0,4% (Pará) até 9% (Tocantins). Os números nacionais revelaram uma recuperação no total em comparação com 2016, mas menor do que o constatado em 2015 e 2014.

Converse com a Fandango