FETAG reúne entidades para que SUSAF comece a acontecer no Estado

A FETAG reuniu nesta quarta-feira, em sua sede, em Porto Alegre, dirigentes e técnicos da Emater, da FAMURS e da SDR para traçar ações e estratégias para fazer acontecer na ponta o Sistema Unificado Estadual de Atenção à Sanidade Agroindustrial Familiar, Artesanal e de Pequeno Porte (Susaf-RS). No dia 13 de agosto foi assinada a Instrução Normativa Seapi nº 10/2018, que tem como objetivo operacionalizar a adesão dos municípios gaúchos ao Susaf-RS, instituído pela Lei nº 13.825, de 4 de novembro de 2011, e regulamentado pelo Decreto nº 54.189, de 14 de agosto de 2018.

Conforme Pedrinho Signori, diretor da FETAG e responsável pela Organização da Produção, o encontro de hoje é para alinhar estrategicamente as entidades que lá na ponta de fato serão as responsáveis pela efetivação do Susaf-RS. Atualmente, lembra Pedrinho, apenas 33 municípios aderiram ao Susaf-RS. “Houve avanços”, reconhece o dirigente, “mas é preciso fazer mais para que ocorra uma maior adesão por parte dos municípios”, enfatiza.

Na próxima terça-feira, dia 16, a Comissão de Agroindústrias Familiares da FETAG se reunirá, às 9h30min, na sede da Federação, em Porto Alegre, tendo como pauta o Decreto 54.189, que regulamentou o Susaf-RS, bem como a Instrução Normativa Seapi nº 10.

Converse com a Fandango