R$ 7,24 será o valor do pedágio nas rodovias federais que serão concedidas no RS

Foi publicado nesta terça-feira (03) o aviso de leilão para escolha da empresa que ficará responsável por fazer investimentos em quatro rodovias federais do Rio Grande do Sul. A concessão da chamada Rodovia de Integração Sul, inclui trechos das BRs 101, 290 trecho da Freeway, 386 e 448 (Rodovia do Parque).

Serão 473,4 km que passarão para a administração privada pelos próximos 30 anos. As propostas serão recebidas até o dia 30 de outubro. O leilão ocorrerá às 10h de 1° de novembro, na Bolsa de Valores de São Paulo.

A diretora do Setor de Rodovias do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Tatiana Thomé de Oliveira, confirmou que a tarifa máxima que será cobrada em cada uma das praças de pedágio será de R$ 7,24. Vencerá a disputa quem oferecer o menor valor de cobrança.

Estão previstas sete praças de pedágio. Duas delas na freeway, duas na BR-101 e três na BR-386. A Rodovia do Parque não terá cobrança.

— A ideia é não localizar as praças (de pedágio) em centros urbanos — informou Tatiana.

Após o término do processo de escolha do vencedor, a assinatura do contrato deve ocorrer em até três meses. Além da manutenção das rodovias, a ANTT prevê obras de duplicação na BR-386.

O primeiro ano de concessão será destinado para a conservação das estradas. A partir do 13º mês, está previsto o começo das obras de ampliação da capacidade da BR-386.

Um ano e meio após a assinatura do contrato deverá ocorrer a troca da praça de pedágio da freeway, localizada em Gravataí. Ela passará para um ponto mais longe da RS-118 e mais perto da fábrica da General Motors.

Veja os mapas com a possível localização dos pedágios:

fonte Rádio Gaúcha/Zero Hora
Converse com a Fandango