Mutirão do Sacolão nos bairros de Cachoeira, está de volta

Com a proposta de incentivar a comunidade cachoeirense com o cuidado e limpeza do lugar onde residem, a Coordenadoria de Projetos Sociais e Culturais em parceria com a Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para a Mulher, União Cachoeirense de Bairros (Ucab) e Secretaria Municipal de Meio Ambiente, retoma o projeto “Mutirão pelo Sacolão”.

Liderado pela primeira-dama Jussara Ghignatti, o projeto contemplará as participantes com um sacolão,atendendo as necessidades básicas de alimentação da família. “Através de um sorteio organizado pela Ucab será definida a ordem dos bairros que participarão do projeto. Após definição dos bairros, será feito um levantamento do público-alvo, que deverão ser mulheres desempregadas que residam naquele bairro”, frisa Jussara. A atividade, além de ajudar com alimentos, também tem o objetivo de despertar interesse pelo cuidado pelo meio ambiente”, falou.

titular da Coordenadoria da Mulher, Paula Boeck, salienta que o projeto tem a proposta ainda deaumentar a autoestima das mulheres através do seu engajamento em estarem desenvolvendo uma atividade produtiva. “Isso motiva a convivência em grupos, bem como promove a socialização”, ressaltouPaula. O presidente da Ucab, Luiz Carlos Lopes, também destaca que o mutirão é um projeto que toda a comunidade gosta de participar. “Em outras edições, os participantes se emocionavam ao receber a cesta básica”, contou.
MATERIAL – Ancinhos, vassouras, enxadas, carrinho de mão e pás, já foram adquiridas pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente para ser utilizada no projeto.


UMA PERGUNTA


Quem pode ajudar com o sacolão?


Qualquer pessoa da comunidade que queira doar um sacolão, pode nos procurar na Rua 7 de Setembro, 1121, na Casa de Cultura Paulo Salzano Vieira da Cunha, na sala da Coordenadoria da Mulher. Nossos primeiros alimentos para o projeto, foram arrecadados como ingresso num evento, foram doados cerca de 90 quilos de donativos. Assim, quem promover alguma atividade, pode sugerir um alimento como entrada e reverter para o mutirão”, explica Jussara Ghignatti.

Converse com a Fandango