Agora cercado, balanço para cadeirantes volta para a Praça da Soares

Após passar por reforma, o balanço adaptado para cadeirantes retornou para a Praça do Bairro Soares. Feito pela indústria Agropertences, que foi também responsável pela reforma, o balanço agora ganhou grades em seu entorno, portão de acesso e diversas placas de alerta para que seu uso seja exclusivo para cadeirantes e seu acompanhante.

O diretor da Agroperteces, Moacir Marzari, explicou que na Europa, que é de onde veio a ideia do balanço, eles não são cercados, mas que aqui foi necessário para criar a conscientização na comunidade de que ele tem uso específico. Na Apae já existe um outro balanço igual a esse há três anos e não há grades. A iniciativa teve apoio da Valdô Comunicação Visual, arquiteto Osni Schroeder e da Thor.

O menino Miguel Schutz Pedroso, 7 anos, foi o primeiro a andar no balanço e se encheu de sorrisos. Os amigos Gilberto de Souza Rosa e Rafael Machado de Azeredo também andaram no balanço logo depois, se divertindo no brinquedo.

Converse com a Fandango