CPF de dependentes com mais de 8 anos deve ser incluído no Imposto de Renda de 2018

A partir deste ano, a Receita Federal passa a exigir Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) de dependentes com oito anos de idade ou mais no Imposto de Renda. A alteração, publicada em novembro no Diário Oficial da União, tem por objetivo diminuir as chances de que os declarantes caiam na malha fina. Antes, a apresentação do registro era obrigatória apenas para maiores de 12 anos. Em 2019, será exigido que pessoas físicas de todas as idades que constem como dependentes na declaração do Imposto de Renda sejam registradas pelo CPF.

Se o seu filho ou algum outro dependente ainda não possui CPF e tem menos de 16 anos, você terá de comparecer a uma das entidades credenciadas pela Receita Federal.  O registro também pode ser solicitado nas agências do Banco do Brasil e dos Correios, a um custo de R$ 7.

Quem tem de 16 a 25 anos  e está com o título de eleitor em dia pode encaminhar o CPF pela internet, no site da Receita Federal, também de forma gratuita.

Converse com a Fandango