Verão terá quatro edições da Operação Viagem Segura

Os órgãos e instituições que atuam na Operação Viagem Segura se reuniram, nesta quinta-feira (14), para planejarem as operações deste fim de ano e do verão 2018. O Natal, o Ano Novo e os feriados de Navegantes e Carnaval terão atenção especial das autoridades de trânsito e reforço na fiscalização para o combate à acidentalidade.

O DetranRS apresentou dados estatísticos de infrações de trânsito e de acidentes com vítimas fatais nas operações anteriores do Viagem Segura, deste período do ano . A análise identifica as vias e os períodos do dia em que acontece o maior número de acidentes fatais, entre outras informações estratégicas. Isso permite o emprego mais eficaz dos efetivos de policiamento e fiscalização de trânsito, bem como ações educativas preventivas.

As duas próximas edições da Viagem Segura se estenderão por quatro dias. A operação de Natal será do dia 22 ao 25 de dezembro, e a de Ano Novo, do dia 29 de dezembro até 1º de janeiro inclusive.

Sobre a Viagem Segura

A Operação Viagem Segura tem como principais parceiros Polícia Rodoviária Federal (PRF), Brigada Militar e Comando Rodoviário da BM (CRBM), DetranRS e Polícia Civil. Também colaboram órgãos de trânsito municipais (EPTC na capital), ANTT, DNIT, DAER, EGR, Famurs, Metroplan, CetranRS, Sest Senat, além de representantes da sociedade civil organizada, como o Lions Club.

As 81 edições da Viagem Segura realizadas até agora contabilizam mais de 5 milhões de veículos fiscalizados e 177,5 mil testes de etilômetro realizados. Foram registradas quase 866 mil infrações, sendo mais de 17 mil autuações por embriaguez, incluindo as recusas ao teste do bafômetro. A fiscalização também recolheu 83,8 mil veículos e 22,4 mil CNHs.

O encontro desta quinta-feira ocorreu no DetranRS, em Porto Alegre, com a participação do DetranRS, CetranRS, Brigada Militar, Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM), Polícia Civil, EGR, ANTT, Famurs, Lions Club, e órgãos de trânsito municipais de Porto Alegre, Canoas, Esteio e Caxias do Sul.

Converse com a Fandango