Prefeito José Otávio determina que recursos ITR fique no interior

Por determinação do prefeito José Otávio Germano, a Procuradoria Jurídica do Município elaborou um Projeto de Lei para atender uma reivindicação histórica do meio rural – que o valor pago pelo ITR ( Imposto Territorial Rural) seja investido no setor produtivo.
O Projeto propõem que 60% do imposto, cerca de 1 milhão e 600 mil reais por ano, seja destinado à recuperação, melhoria e manutenção de estradas vicinais e à construção de reservatórios hídricos e infraestrutura para fomento da irrigação de culturas e pastagens. Os outros 40%, por questões constitucionais, devem ser destinados à educação (25%) e à saúde (15%).
A aplicação dos recursos passará pela aprovação do COMDER – Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e a execução ficará a cargo das Secretarias Municipais de Agricultura e Pecuária e do Interior e Transportes.
“Se rompe uma barreira histórica e se faz justiça, se é um imposto pago pelos produtores rurais, deve voltar para o campo”, declarou o prefeito José Otávio.
O Projeto de Lei foi protocolado pelo próprio  prefeito na sexta-feira (19), na Câmara de Vereadores, com a presença do presidente do Poder Legislativo, vereador Luís Paixão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *