Mais 498 propriedades foram vistoriadas no Mutirão da Dengue desta vez no Bairro Medianeira

Moradores de 18 quarteirões foram visitados nesta terça-feira (24/05) pelo supermutirão contra a dengue promovido pela Secretaria Municipal da Saúde no Bairro MedianeiraAo todo, 498 propriedades residenciais e comerciais foram visitadas pelas seis equipes, no esforço concentrado dos servidores para identificar e eliminar criadouros e focos de larvas do mosquito Aedes aegypti. Nesta etapa, 347 imóveis puderam ser vistoriados, 148 propriedades estavam fechadas e três acessos não foram autorizados pelos residentesDesde o início da campanha de combate à dengue já foram 31 quarteirões percorridos nos bairros Oliveira e Otaviano, 28 no Noêmia, 24 quarteirões no Santa Helena, 22 no Marina, 21 no Quinta da Boa Vista, 21 no São José e outros 18 na data de hojenum total de 4.009 domicílios e estabelecimentos comerciais da cidade.

No Bairro Medianeira, informam os agentes de combate a endemias, o maior obstáculo encontrado foi o grande volume de lixo doméstico acumulado. “A simples limpeza dos pátios pelos moradores já reduziria muito a incidência de criadouros, mas encontramos ainda muitos recipientes acumulando a água das últimas chuvas”, exemplifica a servidora Silvana Machado. Além disso, são frequentes os registros de resíduos como móveis e pneus em desuso e não descartados. O próximo supermutirão deve ocorrer no Bairro Barcelos, na próxima semana, em data a ser confirmada pelo Diretor da SMS, Milton Kelling, que está coordenando as ações de combate à dengue. Denúncias de situações de risco e reincidências devem ser feitas ao Departamento de Vigilância em Saúde (DVS) pelos telefones 3724-6112 e 3723-1351.

NÚMEROS DO BAIRRO MEDIANEIRA

Quarteirões percorridos – 18

Propriedades visitadas – 498

Propriedades vistoriadas – 347 (entraram e eliminaram os focos)

Propriedades fechadas – 148 (imóvel sem acesso)

Recusas de moradores – 03 (acessos não autorizados pelos moradores)

SUPERMUTIRÕES ATÉ AGORA

Oliveira – 422 propriedades

Noêmia – 649 propriedades

Santa Helena – 721 propriedades

Marina – 544 propriedades

Quinta da Boa Vista – 540 propriedades

São José – 635 propriedades

Converse com a Fandango