Polícia Civil deflagra operação Capote em Cachoeira e diversas cidades do Estado

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta terça-feira (18) uma operação contra uma quadrilha ligada ao tráfico de drogas, atuante em todo o Rio Grande do Sul, no Paraná e na fronteira com o Uruguai. Cachoeira do Sul está entre as 12 cidades gaúchas onde são cumpridos mandados de busca e apreensão, na chamada Operação Capote.

A Polícia Civil cumpriu três mandados no município com 14 agentes e dois delegados, em apoio ao Departamento de Narcóticos do RS (Denarc). As diligências foram cumpridas nos bairros Rio Branco, Santa Helena e Cohab.

Ninguém foi preso, mas foram recolhidos documentos que vinculam investigados com integrantes do núcleo da organização, que são estabelecidos em Novo Hamburgo. Em julho de 2018, a Polícia já havia desmantelado uma parte do mesmo grupo com a apreensão de 200 quilos de maconha na BR-386, em Tio Hugo. Na ocasião, foram presos três homens e um menor foi apreendido.

Além de Cachoeira, são cumpridos mandados em Esteio, Sapucaia do Sul, São Leopoldo, Novo Hamburgo, Estância Velha, Campo Bom, Taquara, Gravataí, Charqueadas, Três passos, Jaguarão.

Cerca de 150 policiais civis participam da ação em todo o Estado, cumprindo 30 ordens judiciais. Até as 7h30min desta terça, duas pessoas foram presas em flagrante.

Além do tráfico de drogas, a organização criminosa atuava também no roubo de veículos, com meta de subtrair pelo menos um por dia. A estimativa da Polícia Civil é de que a organização criminosa, que tem sede no Vale dos Sinos, movimente cerca de R$ 1 milhão por mês.

Segundo a Polícia, a quadrilha também fazia a troca de entorpecentes por carros. As drogas seriam distribuídas no Rio Grande do Sul e na fronteira.

 

 

fonte Jornal O Correio

Converse com a Fandango