Prefeitura prefere cancelar aulas em quatro escolas do interior, do que autorizar rejeito de asfalto no final da rua Moron

As escolas municipais Nossa Senhora de Fátima (Mineração), Sagrado Coração de Jesus (Piquiri), Nossa Senhora Medianeira (Vila Vargas) e Pio XII (Cerro dos Peixotos) estão novamente com aulas suspensas entre esta quarta e sexta-feira e manterão o recesso escolar entre 23 e 27 de julho, retornando em 30 de julho. A decisão foi tomada na manhã de hoje depois de uma reunião entre a direção das escolas e a Secretaria Municipal de Educação (SMEd) após não conseguirem passar na balsa devido ao aumento do nível do Rio Jacuí.

Apesar da demora em atravessar o rio, os professores já estavam em deslocamento para as suas escolas, mas como eles são transportados em ônibus grandes e os veículos não puderam passar  devido ao aclive no atracadouro da rua Moron, eles acabaram retornando. Os estudantes, que já estavam chegando nas suas escolas, foram levados novamente para casa. Às 9h30min desta quarta-feira o nível do Rio Jacuí atingiu o nível de 18 metros, o que representou um aumento do nível de 30 centímetros na montante (junto a Barragem do Fandango). No entanto, no ponto onde a balsa cruza, o nível aumentou 80 centímetros.

A expectativa da Secretaria Ana Margarete Vivian Machado é de que até o retorno das escolas em 30 de julho já existam os dois atracadouros, permitindo que as duas balsas funcionem, diminuindo o tempo de espera para cruzar o Rio Jacuí, o que vem sendo também um dos problemas dos educadores que esperam mais de uma hora para passar para o outro lado do rio.

IMPORTANTE

Os quatro dias de aulas suspensas na semana passada o os três dias desta semana serão recuperados, não prejudicando o direito dos alunos em ter 200 dias letivos e 800 horas por ano. O calendário deve ser proposto pela equipe diretiva e professores com a aprovação da comunidade escolar.

 

Escolaas Emília e Monsenhor seguem aulas normalmente

As escolas municipais Emília Vieira da Cunha e Monsenhor Armando Teixeira, que foi recentemente municipalizada, seguem suas atividades normalmente nesta semana. Isso porque o transporte dos professores para estas duas escolas são feito em veículos pequenos, que seguem passando normalmente pela balsa.

Converse com a Fandango