Conselho do Fundo de Gestão Prefeitura Cachoeira-Corsan aprova contas de 2017

Em reunião realizada nesta quinta-feira (26), na Secretaria de Desenvolvimento, os conselheiros representantes da prefeitura de Cachoeira do Sul e da Corsan aprovaram os demonstrativos de Investimentos e Resultados do exercício fiscal de 2017. A receita operacional da Corsan no Município atingiu R$ 34,2 milhões com um lucro líquido de R$ 3,2 milhões no ano passado.

Investimentos

Os investimentos da Corsan somaram R$ 4,3 milhões, dos quais R$ 2,4 milhões no sistema de esgoto e R$ 1,9 milhão no sistema de água e bens de uso geral. No encontro, o coordenador do conselho deliberativo, secretário Ronaldo Tonet, apresentou a lista de desembolsos da conta administrada pela Prefeitura no primeiro trimestre que atingiu R$ 632.612,07, equivalente a 53% do total orçado para 2018. “Vamos pedir a Câmara autorização para suplementar aproximadamente R$ 400 mil na rubrica do FGC, porque os repasses mensais ao fundo estão superiores as estimativas feitas no ano passado” explica Tonet, projetando que o valor total deste ano atinja por volta de R$ 1,5 milhão.

Remanejamento

Os conselheiros também aprovaram o remanejamento de recursos da secretaria do Planejamento para a de Obras, no montante de R$ 150 mil, para aplicação em manutenção de veículos e máquinas usadas na implantação e manutenção de esgoto pluvial, e para compra de tubos de concreto, tijolos e cimento.

Além dos conselheiros do Fundo, participaram da reunião o vice-prefeito Cléber Cardoso e o diretor da secretaria de Obras Isaías Machado.

Converse com a Fandango