Estado tem três casos confirmados de febre amarela

O Rio Grande do Sul têm três casos confirmados de febre amarela, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde. O último caso foi registrado em Porto Alegre, sendo que o paciente teria contraído o vírus em Minas Gerais.

Os outros dois casos – um homem de 27 anos, morador de Jaguarão, e outro, de 19 de São Leopoldo – também são importados e foram contraídos durante viagem ao estado mineiro. O boletim da Secretaria de Saúde ressalta que “não há a comprovação de circulação da febre amarela” no Estado.

Entre julho de 2017 e abril deste ano, a Secretaria recebeu 55 notificações de casos suspeitos de febre amarela – sendo 45 apenas neste ano. Do total, 31 casos já foram descartados e 12 continuam em investigação. O boletim epidemiológico é publicado a cada duas semanas – o próximo será em 3 de maio.

A febre amarela é uma doença infecciosa febril aguda. O vírus é transmitido pela picada dos mosquitos transmissores infectados e não há transmissão direta de pessoa a pessoa.

Converse com a Fandango