Família autoriza e HCB faz captação de órgãos de mulher que faleceu com AVC

O Hospital de Caridade e Beneficência (HCB), de Cachoeira do Sul, realizou a primeira captação de órgãos de 2018. A decisão foi tomada pela família de Rosimeri Aparecida Souza da Silva, de 42 anos após a confirmação da morte encefálica decorrente de um AVC hemorrágico. A captação dos rins e fígado, efetuada por uma equipe composta por médicos e um enfermeiro da OPO7 (Organização de Procura por Órgãos), foi realizada na noite de sábado (3).

Esta é a 1ª captação realizada pelo HCB em 2018, totalizando 28 captações desde de 2002. De acordo com a enfermeira Vanessa Moura, coordenadora da UTI, Bloco Cirúrgico e Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT) do hospital, já foram abertos neste ano quatro protocolos por morte encefálica, onde três pacientes não foram doadores por negativa familiar. Vanessa orienta que é muito importante conversar com a família sobre a vontade de doar órgãos pois é somente com esta manifestação ainda em vida, que a família saberá da intenção do ente querido.

Converse com a Fandango