Secretaria de Meio Ambiente retoma de forma emergencial varrição das ruas de Cachoeira

Foi retomado nesta quinta-feira, a varrição das principais ruas de Cachoeira do Sul. O Serviço que estava interrompido desde o mês de dezembro, quando a empresa Caroldo Prestação de Serviços rompeu o contrato alegando falta de pagamento, será feito de forma emergencial até que nova licitação seja realizada.Ultimamente quem realizava a limpeza eram os servidores da SMA.  Segundo  o Secretário de Meio Ambiente,  Ronaldo Trojhan, para a realização da varrição foi contratada a mesma empresa que já realiza a capina da cidade, pertencente a  Alício de Castro Cardoso, com média de 200 mil metros por mês, pagamento aproximadamente de 15 a 20 mil reais por mês. Para o serviço,  a empresa contratou 6 funcionarias que irão utilizar um uniforme cinza.

Converse com a Fandango