Produtores apresentam ao governador demandas do setor arrozeiro

O governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, recebeu lideranças das entidades de classe da orizicultura e produtores no Palácio Piratini. A  pedido da Federação das Associações de Arrozeiros do RS (Federarroz) e foi organizada pelo deputado estadual Frederico Antunes. Na pauta foram apresentadas demandas do setor arrozeiro, como ações com o objetivo de conceber estímulos aos produtores de arroz no Plano Safra, incentivos a exportação de grãos produzidos no Estado e aumento da fiscalização do cereal no Mercosul. O Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) acompanhou a reunião.

Para o presidente da Federarroz, Henrique Dornelles, o encontro foi satisfatório e houve agilidade por parte do governo em realizar a reunião. “Solicitamos a desoneração (redução da alíquota do ICMS) do arroz em casca, apoio aos pedidos de salva-guarda para o arroz e o questionamento do bloco Mercosul, que é extremamente danoso para o arroz brasileiro”, ressalta Dornelles.

Pelo Irga, participou da audiência o diretor comercial, Maurício Fischer. “Informamos problemas de ordem comercial e econômica do setor arrozeiro, deixando assim o governador a par da atual situação. Ele se comprometeu em trabalhar na busca de soluções para a classe produtora”, destaca Fischer.

Também estiveram presentes o secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação, Ernani Polo; representantes de municípios gaúchos; do Sindicato da Indústria do Arroz no Estado (Sindarroz); da Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul (Fetag) e Federação da Agricultura do RS (Farsul).

 

assessoria-comunicacao@irga.rs.gov.br

Converse com a Fandango