Agroecologia cresce em Cachoeira

Na última segunda-feira, dia 04, mais duas famílias de agricultores de Cachoeira do Sul receberam o Selo de Certificação de produtor orgânico. Ademir Soares e Marcio Menezes juntam-se assim aos produtores que ofertam alimentos limpos aos consumidores da região. Ambos são membros do Grupo de Agroecologia Folha Verde que, além de produzir sem agrotóxico, busca promover o debate sobre o tema e o consumo consciente de alimentos. Marcio Menezes certificou também a primeira agroindústria orgânica do município, a qual irá produzir derivados de cana de açúcar.

A entrega dos certificados aconteceu na Fazenda da Tafona, durante a reunião mensal do Grupo, que tem como parceiros o Sindicato dos Trabalhadores Rurais, a Uergs, a Emater, a Celetro e o Centro de Promoção da Agroecologia (Capa), de Santa Cruz.

Diego Teixeira, coordenador do Folha Verde, enfatizou que o Grupo recepciona agricultores que estejam interessados em fazer a transição do plantio convencional para o agroecológico. “Esse é um espaço de resistência que deve ser ampliado”, diz ele. Já, Augusto Weber, do Capa, lembra que o Centro de Apoio vem atuando há 40 anos na região do Vale do Rio Pardo. “Para nós, é um orgulho entregar certificados para mais duas famílias e uma agroindústria em Cachoeira do Sul. Isso mostra que a luta por respeito ao meio ambiente vem conquistando um maior número de agricultoras e agricultores”.

Converse com a Fandango