Secretaria Municipal de Saúde não tem preservativos para distribuir no Carnaval fora de época

O foco na prevenção contra sexo inseguro e suas consequências (doenças e gravidezes indesejadas) enfrenta um novo desafio em Cachoeira do Sul no período do Carnaval, além do preconceito: a distribuição de preservativos está ameaçada. O material ainda não foi repassado para o Município. “Esperamos que seja feita a entrega na próxima semana. Mas nada foi dito a respeito até agora”, salienta a chefe de Atenção à Saúde, Denise Caspani.

Em contato com setores da Saúde de cidades próximas, a pasta municipal teve a informação que também não houve o repasse. “É uma preocupação nossa, claro. Sabemos que é um período no qual as pessoas acabam se colocando em mais situações de risco pelo clima próprio da festa. É preciso cuidado e o preservativo tem um papel fundamental”, acrescenta.

De acordo com a chefe do setor dentro da secretaria municipal da Saúde, um dos motivos cogitados para o atraso é a troca de gestão. “Pensamos que pode ser uma das razões. Com a troca do governo, talvez esteja ainda em fase de adaptação aos prazos. Mas estranho que não ocorreu essa situação em outras trocas. Aguardamos que tudo se resolva o quanto antes”, finaliza Denise.

Carnaval

O desfile de Carnaval de Rua está agendado para o próximo dia 23 em Cachoeira do Sul ou seja fora de época, antes do período que será de 2 a 5 de março. A primeira escola a desfilar será a Inovação, seguida da Aldeanos, com a Unidos da Vila encerrando as apresentações na Passarela do Samba,

 

 

fonte Jornal O Correio.

Comente este artigo..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *