FETAG re√ļne entidades para que SUSAF comece a acontecer no Estado

A FETAG¬†reuniu nesta quarta-feira, em sua sede, em Porto Alegre,¬†dirigentes e t√©cnicos da¬†Emater, da FAMURS e¬†da¬†SDR para tra√ßar a√ß√Ķes e estrat√©gias para fazer acontecer na ponta o¬†Sistema Unificado Estadual de Aten√ß√£o √† Sanidade Agroindustrial Familiar, Artesanal e de Pequeno Porte (Susaf-RS). No dia 13 de agosto foi assinada a Instru√ß√£o Normativa Seapi n¬ļ 10/2018, que tem como objetivo operacionalizar a ades√£o dos munic√≠pios ga√ļchos ao Susaf-RS, institu√≠do pela Lei n¬ļ 13.825, de 4 de novembro de 2011, e regulamentado pelo Decreto n¬ļ 54.189, de 14 de agosto de 2018.

Conforme Pedrinho Signori, diretor da FETAG e respons√°vel pela Organiza√ß√£o da Produ√ß√£o, o encontro de hoje¬†√© para alinhar estrategicamente as entidades que l√° na ponta de fato ser√£o as respons√°veis pela efetiva√ß√£o do Susaf-RS. Atualmente, lembra Pedrinho, apenas 33 munic√≠pios aderiram ao Susaf-RS. “Houve avan√ßos”, reconhece o dirigente, “mas √© preciso fazer mais para que ocorra uma maior ades√£o por parte dos munic√≠pios”, enfatiza.

Na pr√≥xima ter√ßa-feira, dia 16, a¬†Comiss√£o de Agroind√ļstrias Familiares da FETAG se reunir√°, √†s 9h30min, na sede da Federa√ß√£o, em Porto Alegre, tendo como pauta o¬†Decreto 54.189,¬†que regulamentou o Susaf-RS, bem como a¬†Instru√ß√£o Normativa Seapi n¬ļ 10.

Comente este artigo..