Rio Grande do Sul registra mais quatro casos de sarampo

A Secretaria Estadual da Saúde (SES) confirmou mais quatro casos de sarampo no Estado, elevando para 36 o número de infectados pela doença em território gaúcho em 2019. Os dados levam em conta os resultados dos exames laboratoriais até o dia 20 de novembro.

O boletim epidemiológico aponta que os novos casos são de crianças entre sete meses e dois anos de idade. Três delas não tiveram contato com nenhum caso confirmado anteriormente ou têm histórico de viagem. São dois bebês, de sete e nove meses, que residem em Porto Alegre e Gravataí, e uma criança de um ano, moradora de Cachoeirinha. Conforme a SES, todas não estavam vacinadas contra a doença.

Já o quarto caso se refere a uma criança de dois anos, moradora de Alvorada, que possui vínculo familiar com outro caso confirmado na cidade. Até agora, sete municípios gaúchos têm pessoas infectadas pelo sarampo: Porto Alegre, Cachoeirinha, Gravataí, Ijuí, Alvorada, Canoas e Dois Irmãos.

Ao todo, o Rio Grande do Sul recebeu 573 notificações suspeitas, sendo que 500 foram descartadas e 37 seguem em investigação.

No Brasil, são mais de 10,4 mil casos confirmados de sarampo em 2019. Destes, 14 resultaram em mortes. Do total de óbitos, 50% foram em menores de cinco anos de idade.

Para mobilizar a população, o Ministério da Saúde lançou uma campanha de vacinação contra o sarampo. No mês passado, o foco eram crianças de seis meses a cinco anos. Já a segunda etapa, que começou no dia 18 e segue até o dia 30 de novembro, tem o objetivo de atualizar a caderneta de vacinação dos jovens entre 20 a 29 anos.

Comente este artigo..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *