Aleluia… Um grande desportista!

alexandre@radiofandango.com.br

Quando criança, um moleque levado e arteiro. Seu irmão mais velho que o diga, pois, sofria muito com as peripécias do irmão mais novo. Ainda pequeno muitos apelidos o incomodavam. Por ser filho de pastor , brincadeiras que hoje são consideradas como bullying, eram feitas nos campinhos de futebol, na escola, etc… Sim estamos falando do Aleluia ou Pastorzinho, assim era chamado  o então vice-prefeito, Cléber Cardoso. Que por sua vez não gostava nada destas brincadeiras. Graças a sabedoria e mansidão de seu pai, seu Valdir, quando um dia chegando em casa aos prantos, devido aos referidos apelidos. Seu Valdir o acalmou dizendo, meu filho estes apelidos são uma bênção, fique calmo. Na palavra de Deus diz, os humilhados serão exaltados (Ezequiel 21).

Apesar de baixa estatura, como foi observado por Edilon Cardoso, fez bonito enquanto esteve nas quadras e gramados. Quando morava em Pantano, em 96 um professor de educação física o convidou para jogar no Craques de Rio Pardo e acabou disputando o Campeonato Regional, classificando para a série B do Gauchão e sagrando-se o goleiro menos vazado. Neste meio tempo fez teste no Grêmio Futebol Porto alegrense, após dez dias retornou a Cachoeira do Sul e fez parte da equipe do São José. Quando no final daquele ano, em uma partida no campo do Rênner acabou rompendo os ligamentos.

Sua primeira equipe na várzea, foi o Navegantes e hoje quando tem um tempinho, Cléber, pratica Muay Thai.

Programa Falando em Esportes ocorre de segunda a sexta, das 20h30 às 22h, com apresentação de Alexandre Pindéco, Edilon Cardoso e Maurício Nunes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *